Pensamentos

Sobre ter opinião…

Será que é assim que se trata alguém por ter opinião? Pra muita gente, sim...

Eu acho interessante que muita gente fala: “fulano precisa aprender a dizer não” ou “fulano precisa se impor” ou ainda “fulano tem que ter opinião e deixar de ser mosca morta”, mas quando o tal fulano passa a ter todas essas atitudes que foram solicitadas dele, os outros estranham.

Eu sempre fui muito temerosa de dizer o que penso, não gostava de falar certas coisas para certas pessoas com medo de ser mal interpretada e perder a amizade de alguém de quem eu gostasse (e isso sempre acontecia com amigos, engraçado que nunca tive medo de discordar de meus pais ou meu esposo). Me lembrei disso hoje, ao ver um twitter de alguém que sigo: “Às vezes vc deixa de expressar sua opinião, com medo que ela se choque com a opinião dos outros? Não? Nem eu… hehe”. Eu já deixei muitas vezes de falar o que penso para não “chocar” com outras opiniões. Mas eu mudei. Não pensava assim antes. Só que hoje, eu falo o que penso, sem medo de ser feliz. As outras pessoas não pagam minhas contas, não têm os meus problemas, não vivem a minha vida.

Porém, isso não é fácil. Como já citei noutro post, uma vez me deram unfollow no twitter porque eu “escrevo coisas polêmicas só para dizer que tenho opinião”. Na verdade, a pessoa fez isso porque não gostava de algumas coisas que eu dizia, por não concordar com ela (isso não foi julgamento meu, alguém ligado a essa pessoa me explicou). E é mais complicado ainda quando você tem que discordar de alguém que é próximo a você. Mas ter opinião própria não é pecado. Pensar diferente não é errado. Cada um tem o direito de ter o pensamento que quiser a respeito de determinado assunto.

Contudo, as mesmas pessoas que pensam isso te criticam ou se espantam e te repreendem quando é você o que discorda, o que se levanta perante injustiças, o que diz não, ou simplesmente o que diz o que pensa. Elas podem, você não. Peço licença a meus amados leitores para dizer: estou de saco cheio de gente assim. Eu agora não tenho mais medo do que os outros vão pensar por eu dar minha opinião. Portanto, se você quiser me dar unfollow, xingar ou deixar de ser meu amigo, fique à vontade. Sou eu que pago minhas contas e me sustento, graças ao bom Deus, e o que você pensa de mim não interessa.

Maturidade tem a ver com saber discordar com elegância, com classe. Eu também não entendia isso antes, se alguém discordava de mim já achava que a pessoa não ia com a minha cara. Mas hoje sei que não tem nada a ver, todos podemos — e devemos — ter opinião própria, e mesmo que essa opinião seja diferente da opinião do seu amigo, isso não quer dizer que você não gosta mais daquela pessoa, que vocês agora vão cortar relações ou que você tem que dar unfollow no twitter. Divergir é bom e necessário, e sábios são aqueles que fazem isso sem brigar. Não precisa ser arrogante, mas não há problema em dizer o que você pensa sobre um assunto, ainda que seja diferente do que alguns pensam. E se eles se incomodarem? Problema deles…

“Preocupe-se mais com seu caráter do que com sua reputação. Caráter é aquilo que você é, reputação é apenas o que os outros pensam que você é.” John Wooden

Anúncios

Navegação de Post Único

4 opiniões sobre “Sobre ter opinião…

  1. Concordo inteiramente contigo Daniella. Sou um crítico por natureza, sempre tuito o que bem entendo, sem me importar com o “amanhã”, expresso minhas opiniões doa a quem doer, tenho minhas convicções pessoais e delas não abro mão, inclusive as religiosas.

  2. Realmente, é como comentavamos ontem sobre a imprensa, eles podem dar sua opinião e nós não. Mas será que isso não é o reflexo da sociedade? Todo mundo gosta de dar seu parecer, mas se alguém discorda, muitas vezes já achamos que ela não vai com nossa cara (como você disse).

    A questão toda é o egoísmo eu posso dizer o que penso e o outro também, desde que não discorde de mim.

  3. Tô com medo de falar q discordo desse texto!

    hehehe

    Valeu! Às vezes é bom lembrarmos disso.

  4. nemar em disse:

    Comento os 3 de uma vez por serem trigêmios da mesma mãe. Os 3 presentes que ganhei: Sobre ter Opinião; Palavra divina ou Palavra Humana e Garotas de Capa. Os três ligados pela mesma coluna vertebral. Eu digo espinha e os meus filhos riem. Tradução: “Palavra Honesta” poderia ser o sub-título das tuas 3 crianças que vieram a luz. Estava desenvolvendo uma campanha para ler novos textos no teu blog. Ganhei 3 presentes. Obrigado. Continue, estou gostando cada vez mais de ver o mundo pelos teus olhos (digo lindos mas tu não conta para o teu marido, então.) Agora sim, os comentários. Agradeço a chave de me ofereces na última frase de um dos 3. Fico então a vontade para dizer o que sinto. Não são as revistinhas que continuam as mesmas. Tudo continua igual. Mudamos circunstâncias, cenários, guarda roupas, atores, iluminação etc etc. Mas o drama é o mesmo que se repete nesse planetinha Terra e seus ocupantes. ( ” é preciso que se mude muitas coisas para que tudo continue igual.”) Observe se a vida não é assim mesmo.
    Ainda tenho que lembrar do autor desse pensamento, caso contrário daqui uns tempos vão dizer que é meu, tanto que repito.
    Diga sempre o que desejar. Desde que seja no momento apropriado, com educação e sensibilidade. Podemos dizer o que desejarmos. Eu faço esse teste há muitos anos.
    O sopro divino jamais poderá sofrer crítica pelo simples fato que Ele vem de Deus e nós somos nós. Incrível, não é mesmo?
    Estou deixando de ser escritor para ser comentarista dos teus textos. Uma comodidade. Um luxo. Existem aquelas ervas – as vezes até produzem umas florzinhas bonitinhas – que vivem da seiva de lindas e enormes árvores. Da minha parte está ótimo assim. Não tenho culpa, foi um passarinho que me plantou aqui neste blog. Um sabiá. Sabias que o sabiá é a cotovia(européia) famosa de outro escritor, nem tanto, que falava no “canto da cotovia” ?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: