Pensamentos

Resposta ao post

Eu não queria ter que escrever um post pra explicar outro, mas como parece que é o melhor, resolvi escrever este para esclarecer umas coisinhas em relação ao post anterior:

  1. eu nunca neguei o fato de que há, sim, homens que têm medo de mulheres que são inteligentes, têm uma carreira, etc. etc. Apenas afirmei que, na realidade em que estou inserida, o que vejo é diferente. O que vejo são homens interessados em mulheres cultas, e com quem eles possam conversar sobre tudo. Claro que há homens imbecis o suficiente pra desprezarem mulheres assim, mas duvido muito que sejam 99,99% de todos eles, e a gente também tem que saber onde procurar…
  2. muitas vezes temos que admitir também que o problema está com as mulheres. Não sou partidária daquela ideia que muitas possuem de que o culpado por todos os problemas das mulheres são os homens. Às vezes o problema da mulher é ela mesma, e a forma como encara a vida. O que tenho observado são mulheres que dizem não estarem nem aí pros homens porque o que importa é a carreira, e depois ficarem reclamando de sua solteirice e chorando pelos cantos porque não têm namorado. Ou seja, incoerência total. E ainda falam que os homens não as querem porque são muito poderosas. Poxa, cansei dessa história chata, de verdade. Como bem disse a Madi no twitter, parece que, na verdade, o que existe é medo de sofrer, e eu até diria falta de confiança em si mesma e baixa autoestima, que as faz se esconderem sob essa máscara de “poderosas” dizendo que ninguém as quer pois são assim, quando na verdade estão desesperadas por um verdadeiro homem que as ame. Não entendem porque não se dão bem nos relacionamentos, e em vez de olharem para si mesmas (porque pode sim ser algo errado com você), preferem olhar para o homem: culpam outro, e ainda se elogiam, porque necessitam, de algum modo, se sentirem bem consigo mesmas: é, a culpa é dele, não me quer porque sou poderosa!

Não há nada de errado em querer um companheiro de toda uma vida. Mas também não há nada de errado em querer ter sua carreira e ser bem-sucedida nela. O problema é que algumas mulheres pensam que não se pode ter as duas coisas, ou que se você é ótima profissional vai ser solteira, e se for casada é porque é apenas uma boa dona-de-casa. Acordem, do mesmo jeito que existem mulheres inteligentes e bonitas (porque há pessoas que pensam que ou se é inteligente, ou bonita, nunca as duas coisas), existem aquelas felizes no amor e na profissão que escolheram. Uma mulher que tem família não é necessariamente uma tonta que nunca quis fazer faculdade, e uma mulher feliz na profissão não tem necessariamente que ser solteira pro resto da vida.

Não vou retirar nada do que disse, porque realmente creio no que postei. Apenas gostaria que, em vez de se tornar polêmico, esse post servisse pra nos fazer pensar! Só isso…

Anúncios

Navegação de Post Único

Uma opinião sobre “Resposta ao post

  1. nemar em disse:

    Just thinking

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: